Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > DTCEA-SP
Início do conteúdo da página

O histórico desta organização remonta à década de 1940. Em 27 de maio de 1945, foram inaugurados a Torre de Controle (TWR-SP) e o Centro de Controle (ACC-SP) como integrantes do Serviço de Rotas Aéreas da 4ª Zona Aérea, atual IV COMAR.

A organização gestora local dos órgãos operacionais era o Núcleo de Proteção ao Vôo de São Paulo (NPV-SP). Esse nome perdurou até maio de 1972, quando passou a ser designado como DPV-SP e, em Outubro de 2001, como DTCEA-SP.

O pioneirismo tem marcado a vida desta organização, pois, além de ter sido a principal unidade de trabalho do primeiro Controlador de Tráfego Aéreo formado no Brasil (Francisco Drezza, 1º colocado da 1ª turma de Controladores da Escola Técnica de Aviação, em 3 de março de 1945), em 20 de de Janeiro de 1962 teve a honra de inaugurar o Serviço Tráfego Aéreo com Radar no Brasil, sendo este pioneiro na América do Sul.

Essa é a origem do cognome de “Berço do Serviço radar no Brasil”. Tratava-se de um ASR3-Airport Surveillance Radar-Telefunken.

Confirmando as tradições, inaugura, em 10 de Junho de 2004, o Controle de Helicópteros São Paulo como experiência única no mundo, despertando atenção internacional.

Na estrutura do DTCEA-SP, além da TWR-SP e do APP-SP, estão os órgãos operacionais de meteorologia - EMS-1 e CMA-2 e de Informações Aeronáuticas.

Os órgãos operacionais do DTCEA-SP prestam o ATS ao maior conjunto de tráfego aéreo simultâneo da América do Sul.

“Nós transmitimos confiança, vendemos certezas e produzimos segurança”.

 

Fim do conteúdo da página